Gatinho se graduou na faculdade ao lado da mãe por seu apoio emocional 

Por 08/05/2021
Gatinho se graduou na faculdade ao lado da mãe por seu apoio emocional 
COMPARTILHE Curiosidades no Whats

Esse bichano, chamando Salem, chegou das ruas com apenas sete semanas de idade. Em resumo, ele estava com duas pernas quebradas e com medo. Além de ganhar um lar, ele foi curado após tratamento veterinário. Hoje, o gatinho se graduou na faculdade ao lado da mamãe humana. 

Gatinho se graduou na faculdade ao lado da mãe

(Hailee Weader)

O nome da humana dele é Hailee Weader. Em primeiro lugar, segundo ela, Salem mostrou-se atrevido e engraçado. Ele se vinga quando não recebe atenção jogando as coisas no chão, por exemplo. Sobre em algum parapeito, portanto, e joga a planta que achar para baixo. 

gato na faculdade

(Hailee Weader)

Hailee descobriu que o gatinho era mais importante do que havia imaginado. Apesar de ter gênio forte, ele sabe a hora agir. Quando a dona sofre um ataque de pânico, enfim, ele a acalma como só um amigo sabe fazer. Salem sente que a dona precisa dele, aproxima-se e usa o carinho felino para acamá-la. 

Gatinho se graduou na faculdade ao lado da humana preferida dele 

Para auxiliar no tratamento, Salem acompanhava Hailee nas aulas da universidade. O gato, portanto, acabou se tornando famoso no campus. Sendo assim, quando a garota se formou, o gatinho também se formou. Enfim, ele havia acompanhado as aulas junto com ela, não é mesmo? 

Gatinho se graduou na faculdade ao lado da dona

(Hailee Weader)

Devido às crises de Hailee, Salem tinha autorização para frequentar as salas de aula com ela. Ele era o gato de apoio emocional, além de ser o melhor amigo da garota. 

Mais curiosidades: 

Esse gatinho fofo ganha o coração de 100% das pessoas que o encaram 

Mulher foi flagrada em um momento bem estranho com seu gatinho 

Gatinho cego foi abandonado em estacionamento no início da pandemia 

COMPARTILHE Curiosidades no Whats
Gravatar
Jornalista, repórter, produtor, diretor, youtuber, redator, escritor... e gente boa!
Está matéria tem 0 comentários. Seja o primeiro!

Fale o que Você Pensa

*
*