Gatinho se recusa a sair do lado de vovô que luta contra o câncer 

Por
14/04/2021
Gatinho se recusa a sair do lado de vovô que luta contra o câncer 
COMPARTILHE

Se procurarmos com atenção, podemos extrair boas coisas de situações complicadas. Algumas relações, por exemplo, enriquecem nos momentos mais difíceis. É o caso de um idoso e de um gato, chamado Sweet Potato (batata doce). O gatinho se recusa a sair do lado do vovô. O homem, em resumo, está lutando contra o câncer.

homem lê para gato

As fotos e vídeos reunidos aqui, são das redes sociais de Kelly Nugent. Ela compartilhou o caso no Instagram e no TikTok.

gato terapeuta

gato faz companhia

Há quem diga que gatos estão longe de ser bons animais de terapia. Não são tão fáceis de treinar quando os cães e, certamente, são bem menos carentes. Por outro lado, são animais muito intuitivos. Já percebem que seu gato se aproxima e se deita perto do você quando está triste ou doente?

gato e vovô

Ou seja, eles podem até não ser constantemente prestativos, mas sabem quando precisamos deles.  

gato e dono

Essa história foi contata por Kelly Nugent. O pai dela foi diagnosticado com câncer de medula óssea. Em suma, além de pai, ele também é o melhor amigo de Kelly. Para auxiliar no tratamento, ela se mudou de Miami para Nova York e levou seus dois gatos junto.

gato com bigode

Mais curiosidades: 

Garota do TikTok teve vídeo arruinado por gato pendurado no lustre 

Mulher faz tatuagem do gato dela usando pelo original dele na tinta 

Teste de DNA promete esclarecer raças de gatos que são dúvidas para donos 

gato ajuda idoso doente

Gatinho se recusa a sair do lado de idoso que luta contra o câncer 

Assim que chegaram, Sweet Potato, ou apenas Tato, imediatamente soube sua missão. Na casa do vovê, portanto, o gatinho se tornou um gato de terapia instantâneo. Ele realmente sabia que precisava estar ao lado do idoso, e não saía de lá.  

gato de terapia

Gatinho se recusa a sair do lado de vovô

De acordo com as atualizações, o estado de saúde do velhinho melhorou muito após a chegada de Tato. Em suma, é como se o gato emanasse ondas de bem-estar e cura. O homem se aproximou de uma remissão e aguarda um transplante de medula, em junho. 

Gatinho se recusa a sair do lado de vovô que luta

Gatinho se recusa a sair do lado de vovô que luta contra o câncer

Enfim, seja você uma pessoa mais chegada a cães ou gatos, saiba que cada um tem seu espaço. O homem que protagoniza esse relato, por exemplo, não era muto chegado a gatos e preferia cães. Hoje, ele ama os dois, pois sabe a importância de Tato na vida dele.

Gatinho se recusa a sair do lado de vovô que luta contra câncer

Gatinho se recusa a sair do lado de vovô que luta câncer

Gatinho se recusa a sair do lado de vovô câncer

COMPARTILHE
Redator e Analista.
Está matéria tem 0 comentários. Seja o primeiro!

Fale o que Você Pensa

*
*