Enfermeira psiquiátrica deixou emprego para criar um café com gatos 

Por
22/04/2021
Enfermeira psiquiátrica deixou emprego para criar um café com gatos 
COMPARTILHE

A segurança de um emprego fixo não falou mais alto do que ter o sonho realizado no caso de Kay Allen. A mulher, de Londres, no Reino Unido, decidiu o que queria após visitar um café para gatos e se sentir extremadamente relaxada e bem-humorada. A enfermeira psiquiátrica então deixou o trabalho para montar um negócio parecido. 

Ela então deixou no passado décadas de trabalho e passou a dedicar a vida de outra forma. Enfim, foi assim que nasceu o Whiskers and Cream, um café onde as pessoas podem conviver com gatos. 

No local, em resumo, há nove gatos lindos e espertos que têm como objetivo serem observados e acariciados pelos clientes. O negócio saiu do papel e começou a funcionar em 2018. 

Allen ajudava as pessoas em seu emprego antigo, mas nunca tirava folga de verdade. Foram décadas ajudando a todos e nunca tendo uma folga real. Portanto, ela trabalhava 24 horas sete dias por semana, praticamente. Isso, pois sempre tinha que estar disponível. 

Enfermeira psiquiátrica segue o sonho para poder relaxar 

enfermeira psiquiátrica gatos

(PA Real Life)

Após o sentimento de paz e relaxamento que vivenciou ao visitar um café com gatos, ela decidiu que queria a quilo para sempre. Sonhava em trabalhar assando bolos e com horário para entrar e sair. 

Sendo assim, tudo se juntou e acabou apontando para um norte. Em primeiro lugar, ela poderia conviver com os gatos e relaxar. Mas não era só isso, já que poderia assar seus bolos e trabalhar de acordo com o próprio cronograma. 

Antes, ela vivia sob pressão e sabia que precisava ser assim, pois estava auxiliando na saúde das pessoas. Nessa nova investida, por outro lado, ela cuida de sai também e deixa de lado o estresse ao qual era submetida.  

Ela se qualificou para o importante trabalho de enfermeira psiquiátrica em 1998. Durante 20 anos, portanto, ela se dedicou a isso. Depois de muito trabalho, Allen passou a gerenciar uma unidade psiquiátrica de grande porte em Londres. 

Realização após anos de dedicação 

Enfermeira psiquiátrica deixou emprego gatos

(PA Real Life)

Foram décadas dedicadas a cuidar das pessoas que precisaram dela. Em síntese, lidava com condições sérias, como esquizofrenia, transtorno bipolar grave e transtornos de personalidade. 

Todo esse tempo, portanto, em ambiente tão pesado, acaba afetando que trabalha com isso. Além de precisar viver com o telefone ligado, para emergências que sempre aconteciam, ela ainda convivia com condições complexas.  

Enfim, ela define a própria carreira como gratificante, pois ajudava muitas pessoas. Mas também diz que há algo de traumático, devido ao dia a dia lidando com pessoas transtornadas. Sem dúvida, para ela, seu dever foi cumprido com amor e profissionalismo. 

Em conclusão, precisaria seguir em frente, para evitar que ela mesma acabasse permanentemente traumatizada. E foi no ano de 2017 que uma ideia incrível surgiu. Uma amiga levou Allen em um café com gatos no aniversário dela. 

Gatos e comida 

Além de amar ajudar as pessoas, a enfermeira psiquiátrica sempre amou gatos e comida. Amava, principalmente, bolos. Ao vivenciar o ambiente do café com gatos, viu ali tudo que precisava. Ou seja, um lugar com bolos, alegria e, claro, gatinhos. 

Mesmo com as reações chocadas e até indignadas de amigos e parentes, Allen foi em frente. Ou seja, em 2018, pouco após conhecer o lugar que mudaria sua vida, ela abriu o Whiskers and Cream. Ela saiu do hospital em que trabalhava e deixou as pessoas próximas preocupadas. 

Alguns a consideraram corajosa e outros desaprovaram a ideia. Afinal, estaria deixando o cargo de comando de um hospital para realizar aquele sonho. Mas a enfermeira psiquiátrica precisava cuidar da própria saúde mental também.

Mais curiosidades:

Gato bravo de uma orelha só era o bichano mais carinhoso do mundo 

Gatinho recebe beijo na bochecha de garota e retribui 

Gatinho realiza um truque incrível ao lado da dona no TikTok 

COMPARTILHE
Redator e Analista.
Está matéria tem 0 comentários. Seja o primeiro!

Fale o que Você Pensa

*
*