Filhote abandonado encontra conforto e amor em um bebê humano 

Por 01/03/2021
Filhote abandonado encontra conforto e amor em um bebê humano 
COMPARTILHE Curiosidades no Whats

Essa é mais uma história que mostra que o amor é sempre a resposta. Um filhote abandonado encontra tudo que precisa em um lar amoroso. E, em suma, já escolheu a pessoa preferida: um bebê humano. Na verdade, em resumo, estamos falando de uma fêmea, chamada Callie.

Filhote abandonado encontra conforto

(Reprodução / Youtube)

Ela foi largada, amarrada a uma cerca, pelo primeiro dono. Mesmo tão pequena, enfim, já tinha sentido o amargo gosto do abandono. Estamos falando de um filhote que já desconfiava das pessoas. Mas, ao ser resgatada por uma família bondosa, Callie reaprendeu a amar.

Filhote abandonado encontra amor em uma pessoinha 

No início, em suma, a relação foi de desconfiança. Mas, ao se aproximar do bebê, Callie começou a mudar. Ela foi se soltando e começou a dividir o amor que tinha com as pessoas da casa. A aproximação foi registrada em vídeo, que encantou corações nas redes sociais. 

cachorrinho e bebê

(Reprodução / Youtube)

Aos poucos, ela se aproximou da criança e sentiu algo novo e mágico. Em conclusão, a paixão bateu e Callie se deixou levar. Sem dúvida esse é o começo de uma linda amizade. Certamente estamos falando de casos que acontecem todos os dias. Mas nem todos eles alcançam a mídia ou são contados online. 

Sendo assim, quando nos deparamos com casos lindos como esse, vale a pena dedicar um pouco de tempo. Em conclusão, vale lembrara que Callie é um animal de resgate. Portanto, trata-se de um pacotinho de amor deixado de lado por um dono cruel.

Mais curiosidades: 

Cachorros roubados de Lady Gaga de forma violenta foram recuperados 

Cachorro cego e surdo sente que o dono está vindo para casa em vídeo lindo 

Cachorro foi abandonado com corrente de 13 quilos presa com cadeado 

COMPARTILHE Curiosidades no Whats
Gravatar
Jornalista, repórter, produtor, diretor, youtuber, redator, escritor... e gente boa!
Está matéria tem 0 comentários. Seja o primeiro!

Fale o que Você Pensa

*
*