Governo chinês pede que pessoas abandonem ou matem seus cães e gatos por causa de coronavírus

Diversos setores de autoridades chinesas e organizações civis ordenaram que moradores renunciassem a animais de estimação. Por ser um vírus zoonótico, ou seja, pode ser transmitido entre humanos e animais, o novo coronavírus chinês fez com que o governo agisse dessa maneira.

coronavírus atinge animais

Foto: Zhou Tianxiao

Em poucas semanas de infecção, mais de 200 pessoas morreram, segundo o MailOnline. Vilarejos, residenciais e empresas receberam e retransmitiram comunicados sobre o vírus e os animais. Uma vila de Hebei, por exemplo, pediu para que as famílias dessem fim aos animais de estimação em cinco dias. Foi usado o termo “lidar”. Caso contrário, as próprias autoridades “lidariam” com eles.

Em Shaanxi, os moradores foram instruídos a pensar na situação “de uma forma geral” e descartar cãoes e gatos imediatamente. Após um alerta vindo do principal especialista em doeças infecciosas do país, as coisas começaram a tomar este rumo. Ele disse que animais domésticos também precisariam ficam em quarentena, caso fossem expostos a humanos doentes.

A Organização Mundial da Saúde, por outro lado, afirma que não viu nenhuma evidência do vírus sendo transmitida para cães e gatos.

Tocador de vídeo

Governos locais ameaçam matar animais que forem encontrados nas ruas

Em Wuhan, sem dúvida considerado o epicentro do surto, um bairro chegou a proibir que seus moradores deixassem cães, gatos e gado saírem suas casas. Em um aviso publicado na comunidade, as autoridades locais ameaçaram capturar, matar e enterrar os animais, caso encontrassem algum.

A cidade de Anshan, na província de Liaoning, pediu que todos os mercados de animais de estimação a parassem temporariamente com o comércio. Forças policiais foram instruídas a impedir que os residentes passeassem com seus cães de estimação em público.

Foto: Getty Images

Também foi proibido que pombos de criação voassem pela região. Os pombos selvagens, segundo os informativos, seriam abatidos de acordo com o avanço do surto.

Ainda segundo informações do MailOnline, Peter J. Li, que é especialista em políticas da Humane Society International, em resumo, disse que a organização encontrou memorandos emitidos por autoridades locais chinesas que ordenavam a proibição e até a morte de cães e gatos de rua.

“Esta não é a abordagem correta para as autoridades locais da China lidarem com a crise nacional que pode ser atribuída ao comércio de animais selvagens fora de controle da China”, afirmou Li ao MailOnline.

Tocador de vídeo

“Os animais de companhia não contribuíram para o surto de SARS em 2002-2003. Eles não têm nada a ver com a epidemia de Wuhan “, acrescentou. Na opinião do Dr. Li, essas ordens podem minar o esforço nacional para conter o surto “afastando os esforços e recursos necessários do verdadeiro campo de batalha”.

“Seus atos também mostram que muitas autoridades locais da China não têm competência para administrar a sociedade chinesa”, concluiu.

Leia também:

Quais são os sintomas do novo coronavírus?

Os 10 piores alimentos para a saúde

Gatinha minúscula não deixa nova família fazer nada sem ela

Especialistas alertam sobre possibilidade de contaminação de mamíferos

Mercados de animais na China

Mercados de carne de animais na China poderiam ser a origem do problema – Foto: Getty Iamges

A professora Li Lanjuan, membro da equipe de especialistas sênior da Comissão Nacional de Saúde da China, em resumo, alertou nesta semana que os donos de animais devem tomar cuidado extra com seus pets, pois o vírus ‘se espalha entre mamíferos’.

Ela também é acadêmica da Academia Chinesa de Engenharia, e disse à emissora estatal CCTV na quarta-feira: “Nesta temporada epidêmica, os donos de animais devem fortalecer a gestão de seus animais de estimação”.

animais podem ser contaminados por coronavírus

Animais encontrados nas ruas vazias poderão ser abatidos – Foto: Gerry Images

Ela acrescentou: ‘Se seus cães correm para fora e entram em contato com o surto ou com as pessoas infectadas pelo vírus, seus animais de estimação também devem ser colocados em quarentena, em suma. “Como a epidemia se espalha entre mamíferos, devemos tomar precauções contra outros mamíferos.”

Enfim, relatos em redes sociais sugeriram que os comentários levaram os donos a abandonar seus companheiros de animais, com alguns sugerindo que cães e gatos foram esmagados até a morte. Embora esses relatórios permaneçam sem verificação, de acordo com a Organização Mundial de Saúde, nenhuma evidência sugeriu que gatos e cães também pudessem pegar o coronavírus.

As informações são do Daily Mail.

Recomendamos para você



5 Comentários

  1. Povo estúpido e Ignorante! Deveria ser banido da face da Terra! Já chega de tantas atrocidades, para com os animais! Raça Maldita!!

  2. Estes nojentos cruéis é que deviam ser mortos e enterrados porque são uns vermes que não sabem viver na Humanidade!! Frios, bárbaros, cruéis e do mais desumano!!
    O mundo agradece a eles toda a pandemia que estamos a sofrer com o Corona vírus!!

  3. Quando é que esse maldito povo vai aprender que não se deve cometer essas crueldades com os animais? Depois uma de cometerem as atrocidades contra os animais e se alimentarem deles com seu sofrimento contaminarem o mundo inteiro, levando a uma pandemia mundial, pois massacraram os animais. Como se não bastasse essa pandemia estão provocando muitas outras com o mesmo tipo de ação.
    O mundo inteiro está sofrendo com as ações infames desse povo.
    Exigimos imediatamente uma ação direta desses governos para pararem com isso imediatamente.

  4. Concordo plenamente com as palavras desta senhora

  5. Falo o pessoal que se alimenta de vaca,galinhas,porcos entre outros animais.
    Compaixão seletiva = hipocrisia
    Com que direito um carnista critica o outro.
    Independente do animal que vc mate é errado.
    Enquanto o ser humano não aprender a viver sem matar outros seres,coisas como essas deram normais infelizmente.