Prática de nudismo se populariza e Senado aprova projeto que regulamenta atividade

Por 16/09/2019
Prática de nudismo se populariza e Senado aprova projeto que regulamenta atividade
COMPARTILHE Curiosidades no Whats

Foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), do Senado brasileiro, um projeto curioso. Em suma, a decisão regulamenta a prática de nudismo, ou naturismo, no país. Na verdade, “naturismo” é o termo mais adequado, mas “nudismo” é como é conhecido popularmente.

Através do PLC (Projeto de Lei da Câmara) 64/2018, que está em discussão desde meados do ano passado, houve o consenso. Sendo assim, a prática passa a ser permitida obedecendo algumas regras e cada estado cuidará da regulamentação do naturismo em seu território. Isso, se for aprovada em todas as instâncias, claro.

naturismo no Brasil

Praias de nudismo estão entre roteiros turísticos nacionais
(Foto: Divulgação/Portal Brasil Naturista)

O próximo passo é a análise em plenário, ou seja, ainda não está liberado. O objetivo da medida é padronizar as regras para a prática de nudismo no Brasil. Certamente é um tema que requer atenção, já que é cada vez mais popular.

Em resumo, os estados, ou mesmo municípios terão autonomia para ditar como as coisas poderão acontecer. Com o texto provado, os praticantes poderão realizar a atividade em locais destinados ao naturismo. Portanto, a aprovação não quer dizer que as pessoas poderão praticar em qualquer lugar.

O texto é da ex-deputada Laura Carneiro. Entenda mais um pouco sobre este costume curioso a seguir.

aumento na prática de nudismo

Senado aprovou proposta que regulamenta prática
(Foto: Divulgação/Portal Brasil Naturista)

Prática de nudismo visa saúde mental, física e contato com a natureza

De acordo com o texto da proposta, os espaços naturistas devem ser devidamente sinalizados e autorizados pelo poder público. Portanto, o local deve ser destinado apenas à prática de nudismo. A atividade se encaixa no conjunto de práticas ao ar livre, ou seja, visa desenvolvimento de saúde física e mental, além de integração com a natureza.

Os espaços destinados ao naturismo também possuem muitas regras. O respeito é sempre colocado em primeiro lugar. Sendo assim, o assédio é altamente reprovável. Isso, pois os praticantes buscam um local para serem livres, inclusive de preconceitos físicos.

praias de nudismo

Naturismo religioso também tem crescido
(Foto: Divulgação/Portal Brasil Naturista)

Os ambientes permitem liberdade quem não podemos ter no dia a dia. Por este motivo, esta prática tem ficado cada vez mais popular e acaba exigindo atenção pública. Por se tratar de algo que abrange um grupo em crescimento, foi colocado em pauta no Senado.

Vale lembrar também que nem só praias de nudismo configuram as tais áreas exclusivas. No texto, também são citados clubes naturistas, imóveis rurais acampamentos e outras formas de hospedagem. Enfim, há uma grande gama de locais que podem ser regularizados com a decisão.

Há até mesmo mercado de turismo naturista, e isso pode trazer visitantes ao país.

comunidades naturistas

Regras nas comunidades naturistas são sérias
(Foto: Reprodução)

Nudismo evangélico traz experiências que unem naturismo e cristianismo

É difícil de acreditar, certamente, que há uma linha de praticantes de nudismo que o fazem dentro da religião. É isso mesmo! As pessoas louvam e oram nuas, e isso, para elas, é uma experiência sem igual. Você já tinha ouvido falar do nudismo evangélico?

O naturismo cristão está se tornando uma tendência por aqui, no Brasil. Os participantes desta vertente leem a bíblia sem roupa e a experiência é puramente religiosa. Os encontros acontecem em locais credenciados para eventos do tipo. Ou seja, áreas dedicadas a quem quer ficar à vontade, mas bem à vontade mesmo.

regulamentação do nudismo

Nu com a mão no bolso
(Foto: Divulgação/Portal Brasil Naturista)

Leia também:

Os 5 reality shows mais bizarros do mundo

Quantas vezes por semana devemos fazer sexo?

Depressão é doença do século – conheça sintomas e tratamento

Eventos ocorrem em praias de nudismo, fazendas, sítios, enfim, ao ar livre. Mas também podem acontecer em templos, por exemplo, desde que haja cadastramento e autorização.

Esta atividade, em suma, é mais dedicada ao público evangélico. Por outro lado, é um movimento bem livre (com o perdão do trocadilho), portanto, aceitam cristãos naturistas de diversas igrejas.

Sem dúvida se trata de um movimento muito curioso, já que nudismo e religião, para muita gente, são coisas que não combinam. Mas a quantidade de adeptos e a forma respeitosa como tudo é tratado mantêm as reuniões acontecendo.

regulamentação do naturismo

Como viemos ao mundo
(Foto: Divulgação/Portal Brasil Naturista)

Igreja de nudismo também está fazendo sucesso

Bem, primeiramente, vamos lembrar que falar de pessoas nuas nos remete aos personagens bíblicos que deram origem a nós: Adão e Eva. As famosas folhinhas que cobrem as partes íntimas do casal bíblico são retratadas em diversas obras. Sendo assim, quem diz que nudez não combina com religião pode estar se esquecendo deste detalhe.

O nudismo gospel, se podemos chamar assim, está ganhando muito espaço. O movimento, na verdade, não reúne pessoas de uma religião específica, mas sim cristãos com ideias parecidas. Os participantes encontraram na nudez uma forma de autodesenvolvimento.

melhores praias de nudismo do Brasil

Lugares paradisíacos para ficar à vontade (Foto: Divulgação/Portal Brasil Naturista)

Em resumo, os relatos falam de experiências mais profundas e contato maior com a natureza e o divino se feito “da forma como viemos ao mundo”. Em conclusão, não há nenhuma safadeza envolvida, apenas fé e conforto.

Há também quem pratique por puro lazer, se mantidas as regras de respeito no ambiente. Mas a busca por sensações transcendentes é o ponto mais forte. Uma comunhão mais palpável com o criador é algo que todo religioso busca. E se, tirando a roupa, fica mais fácil, a prática de nudismo é bem-vinda.

E na sua opinião? As duas coisas não se misturam, ou combinam de uma forma não vista antes?

praias para nudistas

O Brasil tem lindas praias de nudismo
(Foto: Divulgação/Portal Brasil Naturista)

Como começou a prática de nudismo?

O primeiro público a popularizar o naturismo foi o europeu. Em países como Alemanha e França a coisa começou a ficar famosa e a se espalhar para outros pontos do mundo. Resumidamente, foi um longo caminho até se tornar popular no Brasil.

O naturismo é um conjunto de ideias, ou seja, não é uma coisa só. Ficou mais conhecido pela prática que mais chama a atenção dentro de todas as outras: o nudismo.

Como é uma atividade que requer discrição, não se vê falar muito a respeito. Por isso, não se conhece muita coisa sobre os costumes naturistas. Ainda mais se estamos falando de pessoas que nem sequer tentam entender.

prais para naturistas

Que tal experimentar?
(Foto: Divulgação/Portal Brasil Naturista)

Os cultos evangélicos nudistas abrem as portas para todas as pessoas, sem distinção de crença ou origem. A linha adotada, certamente, não muda. Ou seja, são cultos cristãos evangélicos, mas quem se sentir confortável pode participar.

Os naturistas somam costumes e princípios, principalmente, éticos e comportamentais. Eles focam em um estilo de vida que os leve de volta à natureza. A vida ao ar livre é o ponto central, em suma. Além da prática de nudismo em si, priorizam o consumo de alimentos naturais, como frutas.

COMPARTILHE Curiosidades no Whats
Gravatar
Redator e Analista.
Está matéria tem 0 comentários. Seja o primeiro!

Fale o que Você Pensa

*
*