Após vitória na Justiça gato pode andar livremente por galeria de Copacabana

O caso do gato Rubinho ficou conhecido no Brasil. Após uma queda de braço judicial, o gato pode andar livremente por uma galeria comercial de Copacabana. Agora, o conhecido bichano continuará passeando ente as lojas com amparo legal.

Em resumo, a administração da galeria tinha proibido a circulação de animais sem coleira pelo espaço. A proibição se deu em abril de 2018, mas o caso se estende desde então.

gato Rubinho
Rubinho foi adotado por um dos lojistas da galeria
(Foto: Reprodução / TV Globo)

O animal foi adotado por um dos lojistas que trabalham por lá. O dono, Pedro Correia, afirmou em entrevista que ficou chateado com a decisão, já que Rubinho já era parte do clima do local. O bichando já circulava há anos, e sem coleira, nos espaços entre as lojas.

Sem engolir a decisão, Correia recorreu à 47ª Vara Cível do Rio de Janeiro. Enfim, a juíza Márcia Hollanda bateu o martelo e decidiu que o animal poderia continuar andando pela galeria, como antes.

Gato pode andar livremente pela galeria após abaixo-assinado

Pelo menos 15 mil pessoas deram seus nomes em um abaixo-assinado pedindo que Rubinho não fosse afastado. Advogados ficaram sabendo da queixa e deram entrada na justiça.

Em setembro do ano passado, o dono de Rubinho ganhou, através de tutela de emergência, autorização para que o animal circulasse pelo local. Agora, a autorização é permanente e o ‘ir e vir’ do gato está assegurado.

gato ganha processo judicial
Gato ficou ainda mais famoso após ‘vitória judicial’
(Foto: Reprodução / TV Globo)

Leia também:

Cobras gigantes de mais de 10 metros foram encontradas após incêndio florestal

Cachorrinha viu dona pela primeira vez após cirurgia nos olhos

O que é thread no Twitter? – entenda o termo usado na rede social

Ainda de acordo com Correia, há clientes que passam pelo local para ver Rubinho, que se tornou parte do dia a dia da galeria. Usando uma coleira para evitar confusões, o simpático mascote continuará passeando livremente pelo centro comercial.

Só torcemos que ele não se afaste do dono e acabe se machucando, ou sendo furtado. Afinal, ele já se tornou uma celebridade carioca.

Recomendamos para você



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *