Medicamento apelidado de Viagra para mulheres foi liberado nos EUA

Por 26/06/2019
Medicamento apelidado de Viagra para mulheres foi liberado nos EUA
COMPARTILHE Curiosidades no Whats

Um novo medicamento americano, focado no Transtorno do Desejo Sexual Hipoativo (TDSH) tem sido chamado de “Viagra para mulheres”. O remédio foi aprovado pela FDA, que regulamenta remédios e alimentos no país. A droga servirá para mulheres com perda de apetite sexual.

O nome do santo remédio é “Vyleesi” (bremelanotide). Ele deve ser tomado 45 minutos antes da relação sexual. O público alvo são as mulheres na pré-menopausa e, claro, as que sofrem com o TDSH. Um comunicado oficial da FDA ditou as regras.

(Foto em destaque: Enrico Carcasci/Unsplash)

A empresa que distribuirá o medicamento será a AMAG Pharmaceuticals. Mas em 2015, a FDA já tinha permitido que outra empresa vendesse algo parecido. A Sprout Pharmaceuticals comercializa o “Addyi” (flibanserina). O foco das vendas são as mulheres com os mesmos problemas.

Viagra para mulheres e seus efeitos

viagra para mulheres

(Foto: AMAG Pharmaceuticals)

Ainda de acordo com a FDA, o Vyleesi não é recomendado para pacientes com pressão alta ou problemas cardiovasculares. Isso, pois o medicamento pode resultar em aumento da pressão arterial.

Quem toda essa droga, também pode ter reduções significativas nos níveis de naltrexona. Em resumo, a substância é usada por pessoas dependentes de álcool e opioides.

Houve quem não concordasse com a liberação do medicamento. A comunidade científica ficou dividida e até mesmo os possíveis compradores expuseram dúvidas.

Leia também:

Sexo é um antidepressivo natural

Pessoas que gostam de ficar sozinhas são mais inteligentes

Quantas vezes por semana devemos fazer sexo?

Enfim, os questionamentos foram feitos, pois alguns médicos duvidaram dos resultados. Colocaram em dúvida até mesmo a natureza da desordem sexual que seria “curada” pelo medicamento.

Apesar de ter o apelido de Viagra para mulheres, na prática, o efeito é diferente do “azulzinho” masculino. As mudanças na pressão sanguínea fazem os dois ficarem mais parecidos. Mas a finalidade muda um pouco.

O Viagra é usado por homens que sofrem com impotência, ou seja, o usuário tem o apetite sexual, mas não a “bala na agulha”. Por outro lado, o Vyleesi seria uma solução para mulheres que não têm apetite sexual e querem ter uma vida sexual normal, mesmo com o distúrbio.

viagra feminino

Boa notícia para várias mulheres
(Foto: Mr. Lee/Unsplash)

COMPARTILHE Curiosidades no Whats
Gravatar
Redator e Analista.
Está matéria tem 0 comentários. Seja o primeiro!

Fale o que Você Pensa

*
*